Skip to content

Anuário de fanzines, zines e publicações alternativas

ATENÇÃO!.

As informações abaixo referem-se à convocatória para o 1º Anuário.
Em breve anunciaremos a convocatória para o Anuário de 2012. Fiquem atentos!

.

A popularização da internet e a consequente disseminação de novos meios de expressão ocasionou o declínio drástico da produção de fanzines, zines e publicações alternativas impressas no fim dos anos 1990. Passada a euforia das novas possibilidades, percebe-se hoje um novo interesse pela produção impressa alternativa. É um ressurgimento ainda tímido, mas que demonstra potencial.

O já citado declínio produtivo ocasionou, porém, uma perda que urge ser reparada: desfez-se a bem estruturada rede de contatos entre editores e leitores que era, a grosso modo, a sustentação do movimentado cenário dos anos 80 e 90. As novas publicações surgem muitas vezes como empreitadas isoladas, sem muitas opções de canais de divulgação, correndo o risco de passarem completamente despercebidas por leitores e editores que poderiam se interessar por elas.

Dentro deste cenário, propomos a publicação de um anuário de fanzines, zines e publicações alternativas.


Objetivos:

O objetivo principal é criar um canal de referência aos editores e leitores, onde eles possam divulgar seus trabalhos, tomar conhecimento de outras publicações e estabelecer contatos. Além disso, pretendemos também conseguir entender qual é o perfil da produção atual, quais são seus temas, quem são seus editores e o que ela apresenta de diferente em relação aos “anos dourados” da imprensa underground.


Quem pode participar:

O Anuário pretende cobrir a produção de fanzines, zines e publicações alternativas em toda sua abrangência. Não existem restrições temáticas, com exceção dos boletins religiosos ou partidários, que serão ignorados. Publicações experimentais e autorais são mais do que bem vindas.


Como participar:

Para incluir uma publicação no anuário, o editor deve preencher a ficha abaixo (clique e faça o download) e enviá-la junto com uma cópia física de sua publicação.

Endereço:

c/o Douglas Utescher
Caixa Postal 777
São Paulo SP
CEP: 01031-970

Obs.: Os editores podem incluir quantas publicações quiserem, lembrando que toda e qualquer publicação só irá entrar no anuário mediante recebimento de cópia física e ficha correspondente.


Deadline:

As publicações devem ser enviadas até 26 de novembro de 2010. A publicação do anuário está prevista para janeiro de 2011.


Flickr:

Até a chegada do deadline, todas as publicações recebidas terão suas capas postadas no Flickr da UGRA.


Exposição:

Na ocasião do lançamento do Anuário, será inaugurada no Espaço Impróprio (SP) uma exposição com material selecionado entre as publicações recebidas.


Dúvidas / sugestões:

ugra.press@gmail.com

 

Divulgação:

Ajude-nos a fazer com que o anuário seja o mais completo e abrangente possível! Se você tem um blog, inclua um link para o vídeo do início dessa página. Se você tem uma loja/estúdio/bar/seja-lá-o-que-for, entre em contato pedindo cartazes para colar ou baixe o arquivo em alta resolução (clique na imagem abaixo) e imprima você mesmo. Obrigado!

.

.

Anúncios
86 Comentários leave one →
  1. coletivoso permalink
    14/07/2010 02:10

    foda. estaremos nessa, o coletivo sÓ

  2. 17/07/2010 11:32

    Odeio Fanzines!!!!

  3. 17/07/2010 14:54

    Olá!
    Publiquei em 2008 um livro sobre a imprensa Alternativa no ABC. Fiz uma pesquisa e lá inseri tudo que encontrei sobre os alternativios da região. Existe uma publicação da década de 1950, outras de 1970,1980, exemplares dos anos 90 e algumas mais recentes que ainda estão em circulação.
    Vou enviar um livro para vcs. Muito boa esta ideia do Anuário, divulagarei no meu blog e faço questão de ter um exemplar.
    Abraços
    Olga

    • 19/07/2010 13:48

      Olá Olga!
      Que legal, eu não conhecia essas publicações. Visitaremos o seu blog também.
      Abraço

  4. 19/07/2010 10:52

    Conte com a gente!

  5. 19/07/2010 13:45

    Também vou enviar o material que me pediram.
    Já teve uma catalogação que participei em 2000 de Joinvile.
    zinetralala.blogspot.com

  6. 19/07/2010 14:02

    Olá Pessoal do Ugra,
    parabéns pela iniciativa !!!

    Estou divulgando o projeto de vocês no meu blog,
    já também inseri como link … se puderem divulgar o 2 veís 1 articulações agradeço !!!
    parceria é sempre bom !!

    Organizei uma mostra de zines no Espírito Santo, 100% zine.
    Vou preparar materiais para envio,

    abraço,
    saulo dias

  7. 20/07/2010 17:50

    Em fevereiro de 2010, durante o Festival Quaresmada, realizado no centro de Brasília/DF, uma jovem leitora se recusou a pegar um exemplar impresso do Zine Oficial, editado por mim, pelo meu irmão Ricardo e pelo Fellipe CDC, com ajuda de diversos colaboradores. A garota alegou que ao imprimir o zine estaríamos ajudando a destruir o planeta… Mas o papel é reciclável, as árvores são renováveis (e nós somos adubo!)… Estamos, com a resistência dos zines impressos, renovando ideias também, resgatando a arte local e o contato físico, corpo a corpo, com a distribuição em campo, onde a cena acontece. Nada contra os e-zines, até incorporamos essa plataforma também. Mas, Apesar de tudo que se diz, fazer um zine impresso no final da primeira década do século XXI não é uma coisa absurda… Gostei muito da iniciativa do UGRA de só colocar no Anuário zines recebidos em papel, nada de arquivos em PDF.

    • 20/07/2010 22:15

      Pois é, Tomaz… O mundo está indo pro buraco e o papel se tornou o grande vilão! Alguém abandonou completamente o carro (ou o ônibus, que seja)? Não. Pelo contrário, a indústria automobilística bate recordes consecutivos de venda, devidamente apoiada pelo governo (que negocia reduções de IPI para “estimular a economia”). A solução agora é só ler numa tela? Acho questionável. Antes de mais nada, ler textos longos num computador é insuportável e tem sérias limitações estéticas. Você conhece alguém que tenha lido Os Irmãos Karamázov num computador? Eu não! Além do mais, essa gente já ouviu falar em “resíduo tecnológico”? O i-pad que foi comprado hoje estará obsoleto em menos de meio ano. E eu não tenho os dados comigo agora, mas aposto os dedos da mão que um i-pad na natureza dói muito mais que alguns livros. Essa é uma discussão longa…
      Mas muito obrigado pelo apoio, cara. Vida longa ao Zine Oficial e aos outros zines de papel!

  8. 21/07/2010 00:29

    Estaremos participando!

  9. 21/07/2010 15:01

    Vou imprimir o cartaz e colar na universidade que estudo aqui em Mossoró/RN. Vimos que nossa revista também está aí, a Tubarão Martelo. Parabéns pela iniciativa e pelo stop motion do senhor cabeça de batata, ficou sensacional.

    • 22/07/2010 19:31

      Pedro e Canibal,

      Obrigado pelos comentários. Toda divulgação é mais do que bem-vinda. Logo mais postaremos novidades do andamento do projeto. Tesoura e papel sempre!

  10. hydrogenstudio permalink
    24/07/2010 22:02

    GE-NI-AL!! – Mandarei uma cópia impressa até o deadline!

  11. 25/07/2010 13:06

    to dentro

  12. hew permalink
    25/07/2010 20:28

    Vou falar com os zineiros de plantão a qui em maceió , não vamos ficar de fora .
    Parabéns pela iniciativa!

    • 25/07/2010 21:32

      Muito bom! O Nordeste tem uma longa tradição de excelentes fanzines e fanzineiros, temos certeza que vocês não vão nos decepcionar!

  13. 27/07/2010 08:40

    Olá Amigos do UGRAPRESS, aqui Lazarini Ilustrador e desenhista e também ex fanzineiro, risos – se é que dá pra ser EX Fanzineiro alguma vez na vida!!!

    Entao, no final dos anos 80 inicio de 90 eu participei com um pessoal do Rio de Janeiro Bia Albernaz do Almanaque Nacional de Fanzines, cujo minha logo e capas de zines que eu fazia tiveram destaque no almanaque logo nas primeiras paginas e participei tambem do primeiro CURITIZINE na epoca atraves do pessoal do rio.

    Atualmente Uma de minhas caricaturas estao expostas na Mostra Internacional de Caricaturas da ROMENIA.

    Abaixo meus links ok. e ajudarei a divulgar vosso projeto em meus blog s ok.
    abraços
    Lazarini

    http://studiolazarini.blogspot.com
    http://folhaverdfenews.blogspot.com

  14. 27/07/2010 16:39

    muito legal a sua iniciativa, uma vez a portuguesa Teresa Pesatana fez um catalogo internacional, numa versão bem alternativa como o seu zine o Gambuzine.

    Bom sou o editor da revista independente “La Bouche du Monde”, revista que teve as suas oringens em Belém do Para, na sua versão de zine a Boca no Mundo, e deste 1998 ela é edita aqui na França aonde eu moro com autores vindo de todo o canto do mundo, mas em especial do Brasil. (maiores detalhes: http://www.labouchedumonde.blogspot.com) Também vou dar uma divulgada no blog da minha revista. Queria saber si a minha revista pode fazer parte do Anuario ?

    • 27/07/2010 22:51

      Olá, Eduardo! Sem dúvida alguma será um prazer receber o La Bouche du Monde! Estou lhe enviando um e-mail, ok?

  15. 28/07/2010 15:53

    qual a diferença entre zines e fanzines?

    • 29/07/2010 00:14

      Boa pergunta, Vitor!
      Considerando que a palavra “fanzine” é a contração das palavras “fanatic” (ou “fan” / “fã”) e magazine, deveríamos entender como fanzine as publicações feitas por fãs de um determinado assunto e direcionadas a outros fãs de mesmo gosto. Por essa razão, Henrique Magalhães, em seu livro “O Rebuliço Apaixonante dos Fanzines”, aponta que “a matéria prima do fanzine é a informação, na forma de artigo, entrevista, notícia ou matéria jornalística”. A revista alternativa, por outro lado, seria a publicação onde “encontramos a produção artística propriamente dita: contos, poesias, ilustrações, quadrinhos, etc.”
      Fred Wright, cujos textos já foram traduzidos e publicados aqui mesmo, no blog da Ugra, propõe a utilização do termo “zine” para as publicações que possuem as mesmas características dos fanzines no que diz respeito ao modo como são feitas, mas onde não é predominante a postura do fã. Ele cita como exemplo o famoso Murder Can Be Fun, zine norte-americano dedicado a assassinatos, acidentes bizarros, serial killers e coisas do gênero: “O que seria John Marr, editor de Murder Can Be Fun, um fã de alguma espécie? De assassinato? De crimes? Da morte? Alguém pode certamente ter um interesse ativo nesses assuntos, mas poderia alguém ser verdadeiramente descrito como um fã desses assuntos? Provavelmente não. A evolução de fanzine para zine viu a eliminação do fã.”
      É fato que no Brasil geralmente acabamos chamando de fanzine toda publicação amadora (como defende, inclusive, Edgard Guimarães, editor do QI e pesquisador do assunto), e muitas vezes usamos o termo “zine” como uma abreviação para “fanzine”. Mas por uma questão de “rigor científico” e para enfatizar a abrangência que almejamos para o Anuário, optamos por nomear o projeto como “Anuário de Fanzines, Zines e Publicações Alternativas”.

  16. Denilson Rosa dos Reis permalink
    29/07/2010 10:53

    Parabéns pela iniciativa!
    Estou editando fanzines impressos desde 1987 e nunca pensei em parar, mesmo utilizando de novas ferramentas como os blogs.
    Vou mandar minhas principais publicações. Aguardem!
    Depois, como conseguiremos uma vrsão impressa deste anuário?
    Abraços,
    Denilson.

    • 02/08/2010 15:53

      Op Denilson,

      Mande para nós, será um prazer.

      Ainda estamos definindo como será o formato impresso, mas temos ideias bem legais em discussão. Logo mais novidades.

  17. 30/07/2010 01:32

    pow, vo divulgar, essa e a vibe!

  18. 30/07/2010 13:32

    Em breve vou mandar meus zines True Lies e Histérica. Demorei, mas divulguei o projeto no meu blog: http://ansia2.blogspot.com/2010/07/anuario-de-fanzines-da-ugra-press.html
    E massa o flickr da ugra, parabéns!

  19. 02/08/2010 04:53

    puta iniciativa!!
    mando sim =]
    abraços!

  20. 02/08/2010 15:42

    maravilhoso projeto. mandarei meus zines, e um catálogo de bandas independentes que fiz um tempo atrás. é um zine / livro com umas 800 bandas cujo material foi coletado totalmente em zines. abraços e força sempre.

  21. 03/08/2010 10:47

    Eu gostaria de saber se realmente este Anuário de Fanzines é gratuito ?
    Neste “Home” , que fica mais acima é exigido o nosso E mail para receber notificações deste Anuário de Fanzines. Esta assinatura é gratuita ou não ?
    Moro aqui no Paraná há mais de 1 ano e escrevo um fanzine sobre as bandas Post Punks dos anos 80 . Este fanzine retrata sobre as bandas que falam sobre política, socialismo, assuntos relacionados sobre guerras, anti terrorismo, entre outros assuntos. Bandas como The Sisters Of Mercy, Bauhaus, Joy Division, The Cult, The Cure, The Smiths, Siouxsie & The Banshees, Duran Duran, The Mission, entre outras bandas fazem parte deste Fanzine.

    É ou não é viável enviar para vocês ?

    • 03/08/2010 12:21

      Olá, Ricardo!
      Acho que algumas coisas ficaram confusas aqui.
      – O Anuário é um projeto da UGRA Press (leia mais sobre a Ugra aqui). Este aqui é o blog da UGRA e de todos assuntos relacionados a ela, incluindo (mas não somente) o Anuário. Cadastrando seu e-mail no “Assine” você irá receber notificações sobre as atualizações do blog em geral, não necessariamente sobre o Anuário. O recebimento dessas notificações é, obviamente, gratuito.
      – Quanto ao Anuário, ele será lançado em janeiro/fevereiro de 2011 e estará disponível em 2 versões: a impressa e o arquivo pdf. Como não temos patrocínio, a versão impressa não será gratuita. Será uma tiragem limitada, com acabamento artesanal, e faremos o possível para que o preço final seja o mais baixo possível. De qualquer maneira, disponibilizaremos também o arquivo pdf, que poderá ser baixado gratuitamente no Issuu.
      – Para que seu fanzine entre no Anuário, obviamente não é preciso pagar nada. E sim, teríamos o maior prazer em recebê-lo.
      Qualquer dúvida, entre em contato aqui mesmo ou pelo e-mail ugra.press@gmail.com

  22. Suelen Reis. permalink
    04/08/2010 12:30

    A ideia é bem bacana!
    Vamos enviar as edições do Ventre Livre, zine feito aqui em Belém/Pa
    =D
    Grande abraço.

    • 04/08/2010 13:36

      Sensacional, Suelen! Estamos aguardando.
      Entre hoje e amanhã atualizaremos nosso Flickr com o material que recebemos na última semana.

  23. Suelen Reis. permalink
    04/08/2010 13:52

    Eu posso enviar a versão do e-zine pra vocês?

    • 04/08/2010 14:07

      Suelen, o Anuário é dedicado apenas aos fanzines impressos. Dentre outras coisas, nossa motivação inicial é justamente mapear a produção de fanzines que, mesmo nesses tempos em que a internet domina a comunicação, optam conscientemente pelo bom e velho papel.

  24. Suelen Reis. permalink
    04/08/2010 14:16

    All rigth, eu entendi, é que eu vi o Flickr de vocês, com alguns zines, daí achei que podia mandar pra postar o nosso também, hehe

  25. 07/08/2010 22:51

    Fui expulso de casa por causa dos fanzines. Não se metam com isso.

  26. 11/08/2010 11:47

    Muito boa a iniciativa… pode crer que eu estarei nessa!

  27. Felipe permalink
    15/08/2010 11:37

    cada exemplar do meu zine tem uma capa diferente da outra. mando o zine e somente uma capa mesmo, ou posso mandar mais de uma capa?

    • 15/08/2010 19:48

      Olá, Felipe!
      Se você puder mandar mais de uma capa seria interessante, pois é algo que diz bastante sobre o projeto do seu zine e as possibilidades dessas publicações. Qualquer dúvida, mande-nos um e-mail!

  28. Sávio permalink
    15/08/2010 11:41

    Galera, muito massa a iniciativa de vocês. O fanzines ainda são muito subestimados em relação a comunicação alternativa e independente.

    Para saber mais sobre fanzines, aqui tem o link para download da 2a edição do livro “Fanzines de Papel”, escrito por Márcio Sno.
    O livro conta a história dos zines, suas características, potencial comunicativo, seu crescimento e ressurgimento na época do punk. O livro também traz uma cartilha desbravando os caminhos (pré-produção, produção e pós-produção) para aqueles que desejarem fazer fanzine.

    http://fanzinemegafone.blogspot.com/2010/05/fanzines-de-papel-marcio-sno-2-edicao.html

  29. 18/08/2010 07:24

    Já estou envelopando meus zines para mandar! PARABÉNS PELA INICATIVA!

  30. 18/08/2010 14:59

    Estarei enviando o meu ultimo zine para vocês ainda este mês.
    É de iniciativas como esta que podemos resistir ao culto ibecilizante da vida moderna.

  31. 19/08/2010 10:59

    É uma boa iniciativa! Ando meio que desanimada no ramo mas com força vamos continuar! Qdo puderem visitem o blog do meu trabalho, deixo sempre uma tirinha nova por lá.. abs!

    • 19/08/2010 12:06

      Olha só que coincidência: ontem mesmo, navegando na net, eu caí no blog do Verdugo e separei seu e-mail para entrar em contato e apresentar a proposta do Anuário. Hoje eu entro aqui e tem uma mensagem sua. Até o mundo virtual é pequeno, às vezes.
      Quanto ao seu zine, não desanima não, Verônica! E obrigado por divulgar nosso projeto!

  32. 29/08/2010 10:48

    olá pessoal! mas que boa iniciativa! enviaremos a Café Espacial com toda certeza!
    um beijo a todos
    Lídia

    • 31/08/2010 18:53

      Lìdia! Será um prazer contar com o Café Espacial em nosso projeto. Ficamos no aguardo!

  33. 02/09/2010 02:59

    Ótima inciativa, como nosso atual presidente falaria: “Apoiado companheira!”

  34. 03/09/2010 12:29

    agradecendo a atenção e a resposta

  35. 06/09/2010 00:52

    Boa noite!
    Tenho alguns zines aqui comigo, posso enviá-los para constar no Anuário ou tem que ser o escritor / artista do zine que tem que enviar?
    Abraços, ótima iniciativa!

    • 08/09/2010 02:45

      Oi, Fabiano!
      Você pode enviar os zines sem problemas, desde que eles tenham sido produzidos em 2010 OU, caso tenham sido produzidos antes disso, ainda estejam disponíveis para venda/troca.
      Grande abraço e obrigado pelo interesse!

  36. 13/09/2010 07:56

    Bom dia!
    Pessoal da UGRA, vocês viram que tem um povo em Santos – SP que tá nessas também de catalogar os fanzines existentes no Brasil?
    http://mostranacionaldefanzines.wordpress.com/
    Entrem em contato com eles, acho que pode ajudar todos nós!
    Abração!

    • 13/09/2010 13:28

      Fala, Fabiano!
      Estamos acompanhando o trabalho do pessoal de Santos, que sem dúvidas é muito legal, mas tem algumas diferenças em relação à nossa proposta. Pelo que entendi, o foco deles são os fanzines de quadrinhos. Para nosso anuário, estamos em busca de mostrar todo o espectro da produção “fanzinesca” – quadrinhos, música, poesia e o que mais aparecer. No Anuário publicaremos breves resenhas de todos os zines recebidos e seus respectivos contatos, além de algumas colunas e artigos tratando de temas pertinentes.
      Mas é certo que quanto mais pessoas envolvidas e dispostas a incentivar e divulgar a produção alternativa nacional, melhor para todos!

  37. thina curtis permalink
    14/09/2010 17:08

    é isso aí o fanzine impresso tá longe de ser algo sem valor.
    a arte de se fazer fanzine é algo que vai além de simples páginas de papel,cola tesoura lápis e word!

    • 14/09/2010 20:26

      Falando nisso, não deixem de conhecer o zine da Thina, o Spell Work. Testado e aprovado!

  38. Zel permalink
    05/10/2010 00:35

    Quando o livro for lançado, gostaria de vendê-lo na minha loja!

    • 05/10/2010 01:02

      Será um prazer para nós! Entre em contato por e-mail para conversarmos a respeito.
      abraço!

  39. 07/10/2010 22:13

    O link do download do cartaz não está funcionando.

  40. esputinique permalink
    16/10/2010 14:34

    Tá me dando uma vontade de ir é aí em SP deixar uns zines e tomar um café ou uma cerveja ou um picolé com vocês. 😉 Mas a vida tá corrida, então mando pelo correio, mas a gente se vê ano que vem, que tal?

    • 16/10/2010 15:24

      Fernanda, garanto que é a mesma vontade que temos de dar um mergulho na Fanzinoteca de vocês!
      Mas olha, promessa é dívida. Te aguardamos ano que vem!

  41. bruno permalink
    20/10/2010 03:48

    meu zine é um zine que tem a ideia oi , sera q pega algo ?

    ahh lembrando, oi!=PUNK E SKIN ANTIFA

    • 20/10/2010 14:50

      Pode enviar que seu zine será bem vindo, Bruno! E ele não estará sozinho no Anuário: já recebemos outro zine oi (antifa, também), o Fique Rude.

  42. 25/10/2010 12:23

    Tal como toda a gente aqui também eu sou um fã de fanzines, por isso queria saber se poderiam-me enviar um desses anuários para Portugal.
    Ficaria agradecido.

  43. 28/10/2010 21:45

    vou mandar, crasse

  44. 01/11/2010 15:37

    Opa, demoro! Vou mandar um material ae! abraços!

  45. franja permalink
    01/11/2010 18:17

    o 3° GUERRA ÊÊÊRÄä estara la!

  46. xgilsonx permalink
    03/11/2010 11:49

    opa!!! é isso ai galerinha to mandando tambem o nossoo material uhhul!!!

  47. 18/11/2010 10:44

    Acho muito enriquecedor esse embate teórico atraves de uma genealogia etimológica, fazer pensar diferentes viveres paras as palavras “fanzine” (no caso o fan aqui seria preso a devoção) enquanto o zine seria mais autônomo. Tais reflexoês com certeza só fortalecem.
    Contudo alem dos diálogos e disputas semânticas, reverbera um pouco da obsessão ocidental de colocar tudo em caixinhas com tabuletas numeradas. A palavra nunca dá conta da verdadeira experiencia, no fenomeno. Toda palavra que pre-tende definir sempre fica aquem do viver. Zine? Fanzine? E se do mero colecionador de recortes e suspiros por seu idolo, a palavra fan, fosse substituida por paixão, mas paixão por abrir as veias da vida!
    E pra finalizar mando meu abraço a todos e finalizo com Manoel de Barros: Minhocas arejam a terra, poetas a linguagem!
    Não prestemos culto a utilidade!
    Longa vida OI!

  48. Fábio Guedes permalink
    18/11/2010 11:05

    Olá.

    Sou editor do fanzine Acid Farted. Quero mandar minhas publicações. É necessário um formulário para cada número?

    Faço fanzines há mais de 15 anos. Além de escrever para o Acid Farted, também escrevo para alguns web- zines e como trabalho de conclusão do curso de jornalismo, fiz um vídeo-documentário sobre a importância dos fanzines.

  49. gilson permalink
    25/12/2010 11:33

    olá amigos zineiros tudo bem com voces ? mandei a minha fanzine SANGUE NOS OLHOS bem em cima da data ,entao… gostaria de saber se xegou por aí .

  50. aiub serrão permalink
    22/02/2011 13:37

    …faço editoração de 02 FANZINES aqui em Manaus: AMPULHETA e REBOJO, bravemente mandarei algumas publicações pra vocês darem uma sacada!!!
    Abraço e vida longa.

Trackbacks

  1. Convocatória! «
  2. Gratidão. «
  3. 1º Anuário de Fanzines, Zines e Publicações Alternativas « Impulso HQ
  4. 1º Anuário de Fanzines, Zines e Publicações Alternativas « Clube de HQ Mangaka EX³
  5. Você, você… todos vocês! «
  6. Quadrinhos brasileiros online | Histórias em Quadrinhos • DS.art.br
  7. Anônimo
  8. 1º Ugra Zine Fest «

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: